desperdício de alimentos

Evitar o desperdício de alimentos em casa é bom para o mundo, seu bolso e sua saúde

Quase metade da comida produzida no mundo é jogada fora sem uso e boa parte desse desperdício acontece em casa. Evitar o desperdício de alimentos é uma forma de contribuir para o meio ambiente, auxiliar na distribuição dos alimentos, cuidar da saúde e também economizar no bolso.

 

Com o aumento da população mundial, a produção em massa de alimentos cresceu para tentar suprir a demanda. Mas, segundo especialistas da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO) e do Instituto Internacional de Gerenciamento de Água (IWMI) na pesquisa “Alimentando um mundo sedento: Desafios e oportunidades para segurança alimentar e hídrica” se continuarmos produzindo e vivendo tendo como base o modelo de consumo atual, não haverão alimentos e água no futuro para todos e a disputa pelos recursos entre países vai se acirrar cada vez mais.

 

Por esse motivo, para diminuir a emissão de poluentes no planeta e para economizar um pouquinho mais a cada mês, é preciso tomar alguns cuidados em casa. Veja abaixo alguns deles:

 

  • Planeje suas compras, fazendo uma lista com os produtos que realmente estão em falta, de preferência já pensando no que irá preparar. Sempre que for ao mercado, olhe armários e geladeira para se certificar de que comprará apenas o que de fato precisa;

 

  • Procure ir ao mercado mais vezes para compras pequenas do que uma só vez ao mês para ter mais consciência da comida que possui e utiliza, assim como para não deixar que produtos estraguem;

 

  • Fique atento à data de validade dos produtos e, na hora de cozinhar, dê preferência aos alimentos que estão próximos do vencimento;

 

  • Promoções são boas escolhas para produtos com longo período de validade e muito utilizados. Caso contrário, atrapalham na compra e no consumo consciente;
  • Limpe bem e enrole em papel filme frutas, verduras e legumes antes de guardá-los na geladeira para aumentar sua duração;

 

  • Procure por receitas que aproveitam todo o alimento, das folhas ao caule. Esse tipo de cuidado será tão benéfico para o seu bolso e para evitar desperdícios quanto para sua saúde;
  • Não jogue fora alimentos que apresentam apenas uma parte estragada. Corte ou retire o que está estragado e use o que ainda está em boas condições;
  • Quando fizer mais comida do que o necessário para uma refeição, guarde o que sobrou em potes e congele para comer mais tarde. Outra opção é doar os alimentos que restaram para moradores de rua;
  • Sirva no prato apenas o que for realmente comer.
Compartilhe isso:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *