como dar feedback

Como dar feedback produtivo: seus funcionários precisam saber como andam

Dar feedback aos seus colegas e funcionários fornece a eles uma visão do observador sobre como seu desempenho está progredindo, bem como conselhos para resolver qualquer problema. Mas, para várias pessoas, ouvir as palavras: “Posso dar um feedback?” gera medo e ansiedade. Pode parecer que a pessoa que dá o feedback é de alguma forma superior à pessoa que o recebe, colocando o receptor na defesa.

Embora dar e receber feedback possa ser um processo delicado, não há como duvidar de seu valor em ajudar a identificar problemas e resolvê-los. Os proprietários de empresas devem gerenciar os comentários de maneira positiva para que eles possam fazer o que se espera: ajudar a melhorar e expandir seus negócios. Aqui estão cinco dicas que podem ajudar você a dar um feedback produtivo:

1. Crie segurança

Se a pessoa que recebe o feedback não se sentir confortável, isso pode fazer com que o feedback seja improdutivo. Se você não tem o tipo de relacionamento com um colega ou funcionário que permite que você diga praticamente qualquer coisa, então eu sugiro que você acrescente civilidade e segurança à sua abordagem de feedback. Não seja mesquinho. Seu feedback geralmente não será produtivo se for focado em fazer a outra pessoa se sentir mal ou fazê-la parecer tola na frente dos colegas.

Em vez disso, crie oportunidades para gerar confiança e habilidades. Isso é especialmente eficaz quando as pessoas esperam ser classificadas. Situações confinadas em que as pessoas sabem que estão sendo avaliadas são boas para dar feedback enquanto aprendem habilidades.

2. Seja positivo

Dê pelo menos tanto feedback positivo quanto negativo. O feedback positivo estimula os centros de recompensa no cérebro, deixando o receptor aberto para tomar novas direções. Enquanto isso, o feedback negativo indica que um ajuste precisa ser feito e a resposta da ameaça é acionada e a defesa se instala. Você não precisa evitar um feedback negativo ou corretivo. Apenas certifique-se de seguir com uma solução ou resultado sugerido.

3. Seja específico

As pessoas geralmente respondem melhor a uma direção específica e positiva. Evite dizer coisas como: “Você precisa ser mais comunicador nas reuniões”. É muito ambíguo e pode ser interpretado de várias maneiras pessoais. Diga algo específico e positivo apontado para a tarefa que deseja realizar, como “Você é inteligente. Quero ouvir pelo menos uma opinião sua em todas as reuniões em que estamos juntos daqui para frente”.

4. Seja imediato

O cérebro adulto aprende melhor ao ser pego em ação. Se você esperar três meses para dizer a alguém que seu desempenho é mediano, ele geralmente não consegue entender as mudanças necessárias para mudar de direção. É muito ambíguo e depende da memória, que pode estar com defeito. O feedback produtivo exige que seja dado com frequência. Dessa forma, as avaliações de desempenho são apenas mais uma discussão colegial.

5. Tenha empatia

Quando alguém deixa cair a bola no trabalho e você tem que dar seu feedback, comece perguntando sua perspectiva sobre a situação. Resista em dizer quão estúpidas eram suas ações, mesmo que fossem.

Em seguida, dê o tipo de feedback objetivo, específico e adiantado que descrevi anteriormente. Pergunte se ele ou ela entende tudo o que você espera. Informe a pessoa que ele está sendo avaliado e que você está lá para ajudá-lo a ter sucesso. Dessa forma, transmitir feedbacks só trará resultados positivos para seus colaboradores e sua empresa.  

 

Compartilhe isso:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *