usar o fgts

Como fazer vendas a prazo sem prejudicar o fluxo de caixa do seu negócio

Ter diferentes formas de pagamento é uma exigência para continuar no mercado, sendo uma das opções mais populares a venda a prazo. Embora essa seja um importante atrativo para conquistar novos clientes e fidelizar os antigos, é importante ter um bom planejamento e controle para não gerar um prejuízo em seu caixa.

Neste post, iremos mostrar como disponibilizar essa opção para os seus clientes sem prejudicar a saúde financeira da empresa.

Faça o cadastro dos clientes

Você pode começar controlando através de um cadastro completo e atualizado dos seus clientes. Registre todos os principais dados desses compradores, como nome, endereço, CPF, RG, telefones e referências. Também é interessante anotar informações de compra:  se há débitos em aberto, atrasos, se é um novo consumidor ou já comprou anteriormente na empresa, entre outros. Para saber mais sobre um bom cadastro de clientes, acesse o link.

Utilize a tecnologia

Para que haja um controle mais seguro, ágil e completo, o uso da tecnologia é um auxílio indispensável. Busque um sistema ou plataforma que automatize a análise e o registro de informações sobre clientes pagadores e inadimplentes. Isso facilitará nas tomadas de decisões e na otimização de  tempo.

Elabore um contrato

Embora não seja comum para compras de baixo valor, a elaboração de um contrato é interessante para resguardar seu negócio. Este serve como garantia legal e para comprovação da transação em caso de ações judiciais.

Para isso, no ato da venda a prazo, apresente cláusulas que sejam claras quanto a inadimplência e suas consequências – juros, multas e cobranças judiciais e extrajudiciais. Certifique-se de que o comprador concorde e assine o termo.

Consulte órgãos de proteção ao crédito

Os órgãos de proteção ao crédito oferecem informações mais completas sobre pessoas físicas (e até mesmo jurídicas), conhecendo o histórico do comprador no mercado. Assim, para avaliar se seu cliente possui uma vida financeira instável ou se é devedor em outros negócios, consulte o Serviço de Proteção ao Crédito e o Serasa.

Com essas dicas, você já pode se precaver de prejuízos em vendas a prazo e apostar nesse tipo de venda com mais tranquilidade.

You May Also Like

Dicas para o seu pequeno comércio não ficar no vermelho

Os benefícios de ter maquininha de cartão em seu estabelecimento

Como será o Open Banking no Brasil

O futuro do Open Banking no Brasil

Open Banking FHUB

Open Banking: A revolução das instituições financeiras

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *